12 de novembro de 2010

Canário Gloster


O nome Gloster vem do fato daquela que é considerada a "mãe" deste canário ter morado  em Gloucestershire, Inglaterra. Mrs. Rogerson,  de Cheltenham, foi  de  fato a primeira a exibir este canário, numa exposição, no Crystal Palace,no ano de 1925. O exemplar foi devidamente observado pelos juízes que acharam possuir características muito particulares  relativamente aos outros canários de poupa, existentes até então e como tal teria potencial para evoluir para uma nova  e distinta raça.

Nesta fase estabeleceu-se então o primeiro"standard of excellence" a partir do qual   se procedeu ao desenvolvimento do Gloster. Mr. John McLay de Kirkintilloch, um criador escocês muito famoso  começou então a colaborar com Mrs. Rogerson.  A linha inicial da criadora consistia em  "Crested Roller Canaries"  cruzados com  "Smallest Borders". Enquanto que a  linha de Mr. McLay, consistia em pequenos "Crests" cruzados com um certo tipo de Borders. 




Bom...entretanto o gloster foi evoluindo e é aquilo que vemos hoje, um canário pequenino e com características muito particulares que fazem dele um dos canários mais populares e apreciados em todo o mundo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário